Transtorno de Panico Curitiba (41) 3039-1890 (41) 9643-7333 saude@lincolnandrade.com.br
Transtorno De Panico Gravidez E Puerperio

Transtorno de pânico, gravidez e puerpério

Existe uma crença popular, bastante difundida, de que a gestação protege a mulher de muitas doenças, inclusive as mentais, e representaria um período de bem estar emocional para a mulher.

Diferentemente desta crença, há poucos estudos bem conduzidos a respeito de um efeito protetor da gestação sobre a mulher. E os dados de pesquisa são controversos. Bons estudos indicam que pode realmente ocorrer uma melhora na frequência e na intensidade dos ataques de pânico durante a gestação, porém em torno de 15 % das gestantes tem seu quadro de pânico agravado e em torno do mesmo percentual não observam qualquer alteração no quadro clínico durante a gestação.

Portanto, é bastante variável a evolução do transtorno de pânico durante a gestação, em não tão benigno quanto a crença popular faz pensar.

É importantíssimo lembrar que mulheres em tratamento para síndrome do pânico precisam planejar a gestação junto a seus médicos psiquiatras, pois certos medicamentos significam risco para o desenvolvimento fetal, dependendo da fase da gestação e do medicamento utilizado. Mulheres que desenvolvem crises de pânico durante a gestação precisam procurar tratamento imediatamente, para evitar risco gestacional.

Finalmente, o tratamento de pânico durante a gestação deve, sempre que possível, priorizar o tratamento pela terapia cognitivo-comportamental (TCC).

O programa CALMA oferece todo suporte necessário a mulher com transtorno de pânico durante a gestação e o puerpério, sendo o puerpério bem conduzido fundamental para a amamentação, o vínculo mãe-bebê e a saúde mental de toda família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *